POLíCIA

Caso Lorena: Audiência é marcada para novembro

10/10/2017 - 11h31

 

Compartilhar via E-mail

Com o inquérito finalizado pela Polícia Civil e enviado para a Vara Criminal da Comarca de Santa Bárbara d'Oeste, a denúncia contra o policial militar C.A.R., 36, acusado de matar a balconista Lorena Aparecida dos Reis Pessoa, 29, foi aceita pelo MP (Ministério Público). A primeira audiência do caso foi marcada para o dia 22 de novembro. As informações são de familiares da vítima do homicídio, que aconteceu no dia 08 de setembro deste ano.

A denúncia foi com base no artigo 121 do Código Penal -matar alguém por motivo torpe, cruel, sem chance de defesa - combinada com o heminicídio. A audiência deve ser acompanhada por membros do Conselho Municipal de Proteção e Defesa dos Direitos da Mulher de Santa Bárbara d'Oeste, que geralmente também fazem um protesto pacífico no dia em frente ao fórum.

A jovem foi morta em sua casa, na Vila Aparecida. O policial acusado do crime era seu ex-namorado. Ele entregou-se na polícia após disparar várias vezes contra a vítima e continua preso pelo menos até a audiência. 

 

Fonte: Redação

Comentários

(Os comentários são de responsabilidade do autor, e não correspondem à opinião do SBNotícias).