Notícias


Saúde

22/10/2019 às 17:11:00

Dia D do “Outubro Rosa” acontece sábado no Centro de Especialidades


A edição de outubro do S.Bárbara Saúde será dedicada ao Movimento “Outubro Rosa”, iniciativa que consiste em uma série de ações sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama e do câncer de colo de útero. Neste sábado (26) o Centro de Especialidades (Rua Graça Martins, 45, Centro) recebe o Dia D do movimento, com ações gratuitas e abertas a toda população barbarense, das 8 às 12 horas.

No local haverá solicitações de mamografia, orientações sobre coleta de papanicolaou, desfile das mulheres guerreiras que lutam contra o câncer, quick massage, designer de sobrancelhas, orientações nutricionais, orientações sobre o Programa “Saúde sem Tabaco”, informações sobre os serviços disponibilizados pela Rede Feminina de Combate ao Câncer, entre outras atividades. O evento conta com apoio da Faculdade de Santa Bárbara d’Oeste e Instituto Embelleze.

Ações nas unidades

Durante todo o mês, a Prefeitura conta com a oferta de diversos serviços gratuitos relacionados à saúde das mulheres. Nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde) e no Centro de Referência em Saúde da Mulher são realizadas solicitações de mamografia e coleta de papanicolaou, entrega de materiais informativos e Salas de Espera Ativa, além de decoração especial.

Os demais setores da Saúde também estão mobilizados com a Campanha, por meio de palestras e divulgação dos serviços disponíveis na rede. Para ter acesso aos serviços, basta comparecer à unidade mais próxima da residência ou ao Centro de Referência em Saúde da Mulher (Rua XV de Novembro, 1.157 – Centro) e verificar o cronograma com os atendimentos e ações disponíveis.

Em Santa Bárbara d’Oeste não há fila para exames de mamografia e para coleta de papanicolaou. Neste ano, de janeiro a setembro, foram realizadas aproximadamente 4 mil mamografias e 3,4 mil coletas de papanicolaou. Durante todo o ano o exame de mamografia pode ser solicitado pelo médico ginecologista no momento da consulta ou pela enfermeira (sem necessidade de consulta médica) nos horários de acolhimento.


COMENTÁRIOS (Os comentários são de responsabilidade do autor, e não correspondem à opinião do SBNotícias).