Notícias


PAULISTÃO

22/02/2020 às 18:21:00

Santos de Jesualdo não evolui e perde para o Ituano antes de decisões


O Santos teve bom início e chegou a animar o torcedor depois de partida muito ruim contra a Ferroviária. A empolgação, porém, durou pouco.

Aos 11 minutos, Yago recebeu pela direita sozinho. Soteldo não voltou para marcar o lateral Pacheco, Diego Pituca estava distante e Felipe Jonatan ficou com dois na marcação. Resultado: o meia-atacante teve tempo de ajeitar, pensar e colocar a bola no ângulo direito de Everson.

O gol desestabilizou o Peixe, que ficou inofensivo. Desorganizada, a equipe não conseguia trocar três passes consecutivos para frente. Para piorar, o Ituano ampliou em golaço de falta do veterano Corrêa aos 26 minutos.

SEGUNDO TEMPO

O Santos se lançou ao ataque na etapa final, porém, seguiu sem organização suficiente para aproximações, tabelas, atacantes no mano a mano. O técnico Jesualdo Ferreira optou pelas entradas de Jean Mota e Renyer nos lugares de Diego Pituca e Arthur Gomes no intervalo. E não funcionou.

A correria não foi suficiente e o Peixe terminou o jogo com poucas chances claras. Na melhor delas, Jean Mota acertou a trave perto do fim. Alerta ligado antes das partidas contra Palmeiras e a estreia na Libertadores.

Mesmo com desempenho instável, o Alvinegro lidera o Grupo A do Estadual, com 11 pontos. O Ituano ainda é o lanterna do D, com nove.

O Santos voltará a campo no clássico contra o Palmeiras, sábado, no Pacaembu. O Ituano visitará o Red Bull Bragantino na sexta-feira. 


FICHA TÉCNICA

Ituano 2 x 0 Santos


Local: Estádio Novelli Junior, em Itu (SP)

Data: 22 de fevereiro de 2020 (sábado)

Horário: 16h30 (de Brasília)

Árbitro: Edina Alves Batista

Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis e Alex Ang Ribeiro

Público e renda: 3959/R$ 166.680,00

Cartões amarelos: ITUANO: Gabriel Tagliari, Luizinho e Suéliton; SANTOS: Soteldo e Jean Mota

GOLS:

Ituano: Yago e Corrêa, aos 11 e 26 minutos do 1T.


ITUANO: Pegorari, Pacheco, Ricardo Silva, Suéliton e Breno Lopes; Baralhas, Marcos Serrato e Corrêa; Yago (Gabriel Barros), Luizinho (Léo Duarte) e Gabriel Tagliari (Luiz Paulo)

Técnico: Vinicius Bergantin


SANTOS: Everson, Pará (Lucas Venuto), Lucas Veríssimo, Luan Peres e Felipe Jonatan; Alison, Diego Pituca (Jean Mota) e Carlos Sánchez; Arthur Gomes (Renyer), Soteldo e Eduardo Sasha

Técnico: Jesualdo Ferreira

COMENTÁRIOS (Os comentários são de responsabilidade do autor, e não correspondem à opinião do SBNotícias).


AO VIVO

Veja a programação da
Rádio Brasil AM ao vivo